Novidades e Notícias

GESTÃO DE PASTAGENS E SEUS BENEFÍCIOS PARA A PROPRIEDADE

Desde 2002, o método GERENTE DE PASTO® vem sendo implantado em propriedades que possuem pastagem como base da produção animal. A metodologia segue bastante consolidada e com resultados muito satisfatórios.

Como citado na figura abaixo (figura 1). O método resulta em diversos benefícios ao sistema de produção, começando com o respeito à fisiologia e morfologia da planta. Pastos bem manejados são por sua vez mais produtivos, vigorosos e de melhor relação folha:haste fazendo com que os animais comam mais, por ter mais folhas a sua disposição, e andem menos. Quem come mais e anda menos engorda mais. 

Além disso, pastos bem manejados são mais produtivos, brotam mais e emitem mais folhas possibilitando aumento na taxa de lotação animal.

Outro ponto importante é que pastos bem manejados confere maior perenidade e redução de reformas constantes por evitar solos descobertos e aparecimento de plantas daninhas, reduzindo por sua vez o uso de herbicidas.  Diante disso, melhores índices zootécnicos são percebidos, como ganho médio diário, taxa de lotação animal, peso a desmama, índices reprodutivos, entre outros, fatos esses impactantes no desfrute e faturamento da propriedade.

O conhecimento da propriedade em números como lotação animal (UA/ha e cab./ha), taxa de lotação ocorrida (UA/ha) e o histórico da capacidade de suporte de cada área de pastagens da fazenda durante a safra toda permite planejamentos forrageiros mais bem elaborados e específicos determinando realmente qual a capacidade de suporte (UA/ha) da fazenda mês a mês durante a safra otimizando o processo de colheita e produção animal. Aliado a isso, a esse entendimento permite elaborar uma estratégia de seca muito mais assertiva no período crítico do ano. Outro ponto muito importante, é ter o conhecimento dos pastos mais produtivos e responsivos a adubação, principalmente a nitrogenada. Assim o protocolo de adubação da fazenda na safra seguinte se torna muito mais eficiente e otimizado entendendo quando, quanto, onde e qual adubo a ser aplicado. 

O método GERENTE DE PASTO®, além de propiciar aumento da produção por área, seja ela carne ou leite, acarreta em melhorias na eficiência dos gastos e decisões mais certeiras a serem tomadas, o que faz da propriedade cada vez mais lucrativa e rentável. 

Figura 1. Impacto da gestão de pastagens na propriedade.

Com isso, na busca de oferecer sistematicamente a gestores informações de qualidade para melhor tomada de decisão no gerenciamento das pastagens, o método GERENTE DE PASTO acaba com o linguajar “o pasto tá bom VS o pasto tá ruim” da maioria dos pecuaristas e agregados. Afinal de contas, o que pode ser bom para o manejador pode ser ruim para o animal e, consequentemente, até mesmo para a fazenda, correto? Portanto, o método GERENTE DE PASTO visa ter a propriedade em números acabando com o achismos e manejos inadequados de propriedade do Brasil a fora. O método GERENTE DE PASTO visa controlar o manejo das pastagens, independentemente do tamanho da propriedade, através da implantação do software, escolha de um gerente de pasto responsável, treinamentos e acompanhamentos da propriedade de forma simples e prática. 





Dr. Bruno Shigueo Iwamoto

Doutor em produção animal com ênfase em pastagens e forragicultura

Sócio diretor Gerente de pasto

cel: 44 9 8448 7988 (Vivo)


Msc. Edmar Pauliqui Peluso

Mestre em produção animal com ênfase em pastagens e forragicultura

Sócio diretor Gerente de pasto

cel: 44 9 9911 0915 (Tim)



Msc. Josmar Almeida Jr.

Mestre em produção animal com ênfase em pastagens e forragicultura

Sócio diretor Gerente de pasto

cel: 44 9 9119 0888 (Vivo)


Equipe Gerente de Pasto

www.gerentedepasto.com.br

contato@gerentedepasto.com